A arte de desconstruir esculturas de Damián Ortega

Quarta-feira, 25 de setembro, 13.30 GMT


A arte de desconstruir esculturas de Damián Ortega


Damián Ortega Ele é um artista mexicano que se caracteriza por desconstruir objetos, transformando-os em novas experiências.

Nascido na Cidade do México em 1967, ele aplica os conceitos de física ao seu trabalho, onde o caos, os acidentes e a instabilidade produzem um fluxo constante.

É assim que Ortega gosta de focar, reorganizar, examinar e inverter objetos para revelar um mundo interior infinito.

Desta forma, ele consegue esculturas, instalações, performances e fotos que vão do molecular ao cósmico.

Em suas obras, o cotidiano converge para ativar uma maneira nova e transcendente de olhar para objetos comuns.

Desconstruir para o mundo

Ortega, começou sua carreira como cartunista político até que finalmente decidiu as esculturas.

Foi assim que, na 2002, ele alcançou fama internacional ao se apresentar no Instituto de Arte Contemporânea da Filadélfia.

Mas também na Bienal de Veneza, com seu trabalho mais conhecido: The Cosmic Thing, um Fusca desconstruído.

Desde então, ele foi apresentado em excelentes amostras individuais na Rússia, Reino Unido, Espanha e Suécia.

Brasil, Itália, Alemanha, Ucrânia, Estados Unidos e França são adicionados a esta lista.

Não esquecendo sua participação em bienais no Japão, França, Dinamarca, Coréia do Sul, Emirados Árabes Unidos, Cuba e muito mais.

Ortega vive e trabalha na Cidade do México.